Principal

Parto normal, cesárea, pós parto e Doula

Como eu já escrevi anteriormente no “parto normal X parto cesárea” , eu sempre, sempre, sempre irei dizer :”_tenha um parto normal”.

Com certeza se eu estivesse grávida agora, eu optaria por ser acompanhada por uma Doula.

Pra você que tem dúvidas sobre o trabalho de uma Doula, aqui vão algumas respostas.

• O que é uma Doula? É uma assistente de parto sem necessariamente formação médica, que acompanha a gestante durante o período da gestação até os primeiros meses após o parto, com foco no bem estar da mulher. Sem experiência técnica na área da saúde, que orienta e assiste a nova mãe no parto e nos cuidados com bebê. Seu papel é oferecer conforto, encorajamento, tranquilidade, suporte emocional, físico e informativo durante o período de intensas transformações que está vivenciando.

Atualmente os partos acontecem em ambiente hospitalar e rodeado por especialistas: o médico obstetra, a enfermeira, o pediatra… cada qual com sua especialidade e preocupação técnica pertinente. O cuidado com o bem estar emocional da gestante acabou ficando perdido em meio ao ambiente impessoal dos hospitais, tendendo a aumentar o medo, a dor e a ansiedade daquela que está dando a luz e consequentemente aumentando as complicações obstétricas e necessidade de maiores intervenções.

• Para que serve uma Doula? A doula oferece suporte emocional através da presença contínua ao lado da gestante, provendo encorajamento e tranquilidade, oferecendo carinho, palavras de reafirmação e apoio. Favorece a manutenção de um ambiente tranquilo e acolhedor, com silêncio e privacidade.

A doula oferece medidas de conforto físico através de massagens, relaxamentos, técnicas de respiração, banhos e sugestão de posições e movimentações que auxiliem o progresso do trabalho de parto e diminuição da dor e desconforto.

Oferece suporte informativo explicando os termos médicos e os procedimentos hospitalares. Antes do parto orienta o casal sobre o que esperar do parto e pós parto. Explica os procedimentos comuns e ajuda a mulher a se preparar física e emocionalmente para o parto, das mais variadas formas.

Também atua como uma ponte de comunicação entre a mulher, sua família e a equipe de atendimento, fazendo os contatos que a mulher desejar.

A doula se faz importante até mesmo num parto cesárea, onde continua dando apoio, conforto e ajudando a mulher a relaxar e tranquilizar-se durante a cirurgia.

Pode estar presente no pós-parto, auxiliando a mãe no seu contato com o recém-nascido e com a amamentação

• O que NÃO faz uma Doula? A doula não realiza qualquer procedimento médico ou clínico como aferir pressão, toques vaginais, monitoração de batimentos cardíacos fetais, administração de medicamentos.

Não é sua função discutir procedimentos com o médico e enfermeiros ou questionar decisões.

Não substitui qualquer dos profissionais tradicionalmente envolvidos na assistência ao parto.

Não substitui o acompanhante escolhido pela gestante. Nesse caso a doula orienta o pai ou acompanhante a ter uma participação mais ativa no processo, sugerindo formas de prestar apoio e dar conforto à mulher.

A Doula é uma mãe, amiga e companheira que vai estar ao lado da mulher, no momento mais esperado e especial da sua vida: a gestação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *